Como funciona a negociação com o chamado BÔNUS DE FÁBRICA PARA USADOS.

Atualizado: Fev 17

A maioria das fábricas de automóveis, com o intuito de acelerar as vendas, costumam utilizar o bônus trade in (troca), como moeda para impulsionamento de negócios. Neste artigo, falarei como este tipo de negociação ocorre, na prátia.

O que é bônus trade in?


O bônus trade in ou bônus para troca de veículos, é um crédito que as montadoras disponibilizam para facilitar as negociações com troca de veículos usados. Na teoria, o seu veículo é "valorizado" por causa do bônus, ou seja, o vendedor no momento de te dizer quanto foi pago pelo seu carro, ele acrescenta o bônus na avaliação. No entanto, o seu carro usado possui um valor de mercado e precisa ser comprado pelo preço real. Na prática, se o seu carro vale R$ 20.000,00, ele entrará na troca por R$ 20.000,00, o bônus irá compor a negociação.


É uma estratégia muito interessante e não deixa de ser vantajosa para quem recebe o bônus, mas é importante destacar que o mercado é soberano e, será ele, quem irá determinar o valor do carro. façamos outro exercício: imagina um veículo que tem o valor de Fipe de R$ 25.000,00 e um bônus trade in de R$ 6.000,00, neste caso, se a concessionária disser que está pagando Fipe no seu carro, na verdade estará pagando R$ 19.000,00 e não R$ 25.000,00, como você imaginou.


Quais são as vantagens práticas


A vantagem, na prática, é que você irá pagar mais barato pelo carro 0km. A montadora não criou o bônus para comprar o seu usado, mas para vender o zero dela, portanto, pense na negociação como um todo e não apenas na venda do seu usado. Se tirar o usado da troca a negociação desmorona, não faça isso ou perderá o negócio.

Porque pagam muito no meu carro em uma concessionária e em outra a avaliação cai muito.


O principal motivo é o bônus trade in. Algumas montadoras, para sair dos seus "sapatos", lançam o bônus e aceleram a venda de alguns modelos específicos. A Jeep, por exemplo, no final de 2019, oferecia bônus de até R$ 12.000,00 em alguns modelos do seu catálogo. Utilizando o exemplo anterior, o carro usado de R$ 19.000,00, passaria para R$ 31.000,00, ou seja, um valor acima da Fipe. Não se pode discutir que é um excelente negócio. Porém, se você levar o mesmo carro para um concessionária que não pratica bônus trade in, o seu carro receberia uma avaliação de mercado, ou seja, R$ 19.000,00.


Dica de mestre: avalie sempre a diferença que está pagando entre o seu usado e o carro 0km. Mesmo que não tenha trade in, a outra montadora poderá disponibilizar o bônus comercialização, que também oferece desconto, só que diretamente no carro 0km e não no usado. No final das contas, vai dar no mesmo. Lembre-se que, como costuma falar Leandro Karnal, "não existe almoço grátis".